Coxinha o salgadinho "SOPU" e Flávio Calazans

COXINHA - talvez o salgadinho mais popular do Brasil,
nunca encontrei akguém que afirmasse não gostar.
A Fernanda Joy questionou se deve-se comer a coxinha pala pontinha, pelo meio ou pela base; e eu ponderei que, sendo um nome feminino, deveria ser apreciada como fazemos com as mulheres, as quais nos seduzem primeiro com seu olhar e sorriso, depois pela harmonia dos traços e proporções da face emoldurada pelos cabelos, ou seja, a coxinha, por analogia, deveria ser degustada pela "cabeça" ou pontinha !
Recordo em minhas mais remotas reminissências nostálgicas, que em minha infancia rejeitava o sabor forte da carne, minha bisavó e avó misturavam carne em um bolo de batatas para acostumar-me ao sabor gradualmente, levou muitos anos para que eu comesse de bom grado um bife, e ate hoje somente mastigo carne misturada a arroz ou batata em proporção maior suavizando o sabor da carne; sim, minha natureza talvez foszse mesmno vegetariana (como ensinou o Buda Jaina Mahavira) ou quiçã ate mesmo vegana.
Naquela época eu, que detestava croquetes e kibes, comia de bom grado a coxinha de galinha, principalmente pela massa (a carne de frango era a parte ruim, e é ate hoje!) e , por ler muito Gibi do TARZAN (desde esta adaptação do Harold Foster) eu, em minha inocencia ingenua infantil, de forma pueril e jocosa no bom sentido chamava a coxinha de "SOPU", que no idioma criado por Edgar Rice Burroughs para os grandes macacos (como fizera antes com a criação do idioma Tarks de Marte quando criou o icone cultural do marciano verde com antenas) 'SOPU" significava COMIDA !

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog