Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2017

Calazans by BIRA caricatura

Imagem
Particularmente considero que Bira capturou meu olhar incisivo e irônico com maestria nesta caricatura OBRA PRIMA ! Agradeço esta honra!

ÁLVARO DE MOYA (1930-2017) apresenta Flávio Calazans na "GUERRA DOS GOLFINHOS"

Imagem
Mais do que a proximidade do mar (pois vive em Santos), foi o amor pelos quadrinhos, que levou Flavio Calazans realizar a novela gráfica “A Guerra dos Golfinhos”.

Mais roteirista do que desenhista, Calazans, tal como Druillet coloca as figuras humanassem segundo plano.

Nos primeiros trabalhos do francês, julgava-se que lhe faltava o domínio do desenho da arquitetura da figura.

Com o desenvolver do seu trabalho, porém, notou-se outra leitura: o homem esmagado no meio ambiente.

E Calazans, emérito fanzineiro, editor constante de seu trabalho e dos outros, participante ativista do movimento da sobrevivência dos quadrinhos nossos, é um homem multimeios, pesquisador, culto e dedica-se ao magistério.

Tal com em Druillet, a sua concepção sobrepõe- se ao desenho do homem.

Tanto se fala na dificuldade de se criar super-heróis nas histórias em quadrinhos nacionais, eis que os próprios artistas brasileiros, que teimam, como um herói, em fazer comics made in Brazil são os nossos verdadeiros s…

Seneca

"Maior sou e para maiores coisas nasci do que para ser escravo da minha carne." Lucius Annaeus Seneca 4 A.E.C. — 65 E.C. um dos mais célebres advogados, escritores e intelectuais do Império Romano; sua obra literária e filosófica, tida como modelo do pensador estoico durante o Renascimento, inspirou o desenvolvimento da tragédia na dramaturgia europeia renascentista.

HOWARD THE DUCK na coleção FLAVIO CALAZANS

Imagem
Eu lia as paródias de "Howard the duck" e comprei todos os números que encontrava nos anos 80. Agora saiu o álbum capa dura e muita gente vem se dizendo conaisseur e gourmet ou sommelíer entendido de gibi ; etc mas quantos guardaram até a crítica de Rubens Ewald filho do filme na estreia em 6 de janeiro de 1987 ou tem o dvd?

A IRA E FÚRIA de Flavio Calazans

Imagem
IRA e FÙRIA contra injustiça, covardia e falsos amigos traidores: "Pedem que perdoemos nossos inimigos mas nada é dito sobre perdoar nossos amigos!" de Cosimo di Médici , Florença, Itália... Cânticos de baleias relaxam-me sempre mesmo, mais que música clássica! E ate adaptei a Grafismo telemático no minitel-videotexto este poster como desenho animado, o sangue surge e ocupa o quadro e ao final surge o escrito contra a pesca de baleias

Flavio Calazans - texto de Josiel Vieira de Araujo

Imagem
Flavio Calazans é um artista multimídia, expoente[1] do quadrinho autoral nacional escritor e pesquisador multimeios, tendo escrito o livro "Propaganda Subliminar Multimídia[2]" e se destacado na análise do ataque epilético em massa ocorrido por ocasião do episódio Dennō Senshi Porygon do anime Pokemon que foi ao ar no Japão no dia 16 de dezembro de 1997.

Biografia



Flávio Mário de Alcântara Calazans nasceu em Santos em 1962, é Doutor pela ECA USP, e Livre-Docente pela UNESP, Bacharel em Direito e Bacharel em Comunicação Social pela UNISANTOS.

1979 Fundou e organizou a "Cooperativa Barata" em Santos publicando a revista "BARATA[3]" por vinte anos.

Publicou HQs de sua autoria em revistas como " HEAVY METAL" e na Editora Abril (Aventura e Ficção número 19), ‘PORRADA SPECIAL”, “MATURI” e outras. Autor de Graphic Novels como "GUERRA DAS IDEIAS[4]", “GUERRA DOS GOLFINHOS[5]", "A HORA DA HORTA[6]" , “ABSURDO” (em colaboraç…

Calazans no Segundo ciclo de debates da "Casa da Cor"

Imagem
Segundo ciclo de debates da "Casa da Cor" sponsoring by BASF. 22 e 23 de agosto de 1989 Centro do Professorado Paulista. Flusser e Louis Bec. Kawagushi, Gerster. Esta são anotações minhas a cores da palestra de Louis BEC.

SUPERGIRL da WARNER a Feminazi da agenda de esquerda

Imagem
Supergirl. Action figure da série da Warner que cumpre fielmente a agenda esquerdista do #foraTrump, irmã lésbica. "Família" disfuncional sem figura paterna com agregados marcianos e nerds, cota de afrodescente irlandês Jimmy Olsen e emponderamento feminazi castrador. Super homem fraco para engrandecer a priminha , vilões que causam aquecimento global _ pois o capitalismo explora e destrói o Lumpen proletário e a natureza_ PresidentA dos USA e muitas inimigas poderosas sempre todas mulheres, e Montes de mulheres que aconselham e motivam a moça invulnerável e superforte que voa e solta raios laser pelos olhos mas é insegura e choramingona, só falta o discurso abortista. A figura chega até a ser mais alta que outras fabrigadas junto. Dureza de aturar haja paciência cazzo

“Ne sutor ultra crepidam judicaret”- “Não deve o sapateiro julgar além da sandália.”

Imagem
“Ne sutor ultra crepidam judicaret” - “Não deve o sapateiro julgar além da sandália.” . A frase seria de autoria do pintor Apeles (sec. IV a.C), o grego. E o sapateiro atrevido estaria a corrigir um quadro E por que restou a expressão em latim?

Porque quem a narrou pela primeira vez foi Valério Máximo (sec. I a.C) era latino e registrou a fala num dos volumes de “Fatos e Ditos Memoráveis”.

Conta a História que Apeles, célebre pintor grego da antiguidade, tinha o hábito de expor os seus quadros ao público e se esconder para escutar os comentários sobre o seu trabalho. Um dia, expôs um quadro com a figura de uma mulher. e a costureira elogiou o corte do vestido e o cabeleireiro elogiou o cabelo, o sapateiro elogiou o sapato mas começou a criticar as dobras do vestido e Apeles o interpelou com a frase.

Esta frase, atribuída a Apeles, se transformou na máxima latina “Ne sutor ultra crepidam judicaret” (Não deve o sapateiro julgar além da sandália), que nos alerta sobre a necessidade d…

Um pouco de LUZ

"Um pouco de luz vence muitas trevas." Paul Claudel

Por quem os sinos dobram ?

Recordo sempre da frase de John Donne: “A morte de cada homem diminui-me, pois faço parte da humanidade; eis porque nunca me pergunto por quem dobramos sinos: é por mim”.

Charges Políticas de Flávio Calazans no jornal do Centro dos estudantes de Santos em 1983

Imagem
Militei no Movimento estudantil nos anos 70 e 80 de forma consciente e crítica, denunciando a manipulação infiltrada de "estudantes profissionais" a serviço de Partidos Políticos de esquerda marxista (hoje "Bolivariana"). Aqui os exemplares que guardo com carinho como registro de minha história e trajetória como desenhista Charge demonstrando a opressão marxista aparelhando as escolas e manipulando assembléias, Esta é a caricatura do Delfin Neto com o Tio Patinhas que causou tanta polêmica na época, Jornal "O ESTUDANTE" do Cento dos estudantes de Santos de novembro de 1983 ano 24 numero ZERO página 3 E teve muito mais Como esta do nivel de ensino nas faculdades particulares de Santos jornal O ESTUDANTE do Centro dos Estudantes de Santos de setembro de 1984 ano 24 número UM

Tu és pó e ao pó retornarás

Eclesiastes 3:20 Tudo e todos se dirigem para o mesmo fim: tudo vem do pó e tudo retorna ao pó.

Lafaiete apresenta Calazans

Imagem
Um pouco de Calazans

Falar sobre Flávio Calazans pode ser uma missão difícil, pois você corre o risco de não conseguir realizar um testemunhal à altura de sua mente brilhante.

A primeira vez que tomei conhecimento sobre sua pessoa foi por meio dos comentários de um amigo, que falava de uma de suas mais conhecidas obras, a Guerra dos Golfinhos, publicada em capítulos numa revista na década de 1990.

Logo depois vim a conhecê-lo pessoalmente, no meu 2º ano no curso de Bacharelado em Artes Plásticas pela UNESP de São Paulo como professor na disciplina de multimídia.

Suas aulas foram um choque de realidade para mim... Filosofia, semiótica, cores, tecnologia, mitologia, marketing, artes visuais, biologia, Gestalt...

Suas agradáveis e fantásticas aulas faziam um amálgama das várias áreas do conhecimento humano, demonstrando que todo o saber se interliga de alguma forma.

Posso fazer o comparativo do nadador que flui livre pelas águas (que ele tanto ama), assim é Calazans através dos oce…

Netflix Series action figures

Imagem
Esta parece ser a primeira linha de action figures baseada em atores de seriados da Netflix, antes apenas havia estes colecionáveis com rosto fiel ao dos atores retirados de filmes de cinema e é um evento inédito e histórico esta "Marvel Knights Legends Caixa Com 8 (man-thing Baf)" ; Assim é a caixa enviada para as lojas, contem dois Daredevil (Demolidor) e dois Punisher (Justiceiro) e apenas uma Jessica Jones e uma Elektra, Interessante ! Isto explica a razão pela qual daqui uns dois anos as figuras femininas vão valer muito mais, são fabricadas em número menor mesmo!

O inverno amarelo

Imagem
Hoje o inverno entrou pela sala de TV na forma de flores amarelas. E a alegria coloriu o piso