SUPERGIRL da WARNER a Feminazi da agenda de esquerda

Supergirl. Action figure da série da Warner que cumpre fielmente a agenda esquerdista do #foraTrump, irmã lésbica. "Família" disfuncional sem figura paterna com agregados marcianos e nerds, cota de afrodescente irlandês Jimmy Olsen e emponderamento feminazi castrador.
Super homem fraco para engrandecer a priminha , vilões que causam aquecimento global
_ pois o capitalismo explora e destrói o Lumpen proletário e a natureza_ PresidentA dos USA e muitas inimigas poderosas sempre todas mulheres,
e Montes de mulheres que aconselham e motivam a moça invulnerável e superforte que voa e solta raios laser pelos olhos mas é insegura e choramingona,
só falta o discurso abortista.
A figura chega até a ser mais alta que outras fabrigadas junto.
Dureza de aturar
haja paciência
cazzo

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog