Cores BERRANTES e saturadas da editora Bloch - comenta Flávio Calazans

Alguns colecionadores de Histórias em Quadrinhos valorizam muito as revistas da Editora Bloch que publicavam os Super-Herois da Marvel em cores,

contudo, eu pesoalmente discordo do crédito dado aestas publicaçôes;

a começar pelo "formatinho" que reduzia a arte e mutilava os balões até excluindo a voz em off de um narrador e DESTROÇAVa a tradução

, tudo para publicar no mesmo tamanho e proporção das revistinhos infantis da "Turma da Mônica" de Mauricio de Souza ou do "Pato Donald" da Disney,

Contudo, estas revistinhas sempre foram claramente dirigidas a um público infantil e sua arte e volume de texto já eram feitas prevendo esta redução.

Para ilustrar meu ponto sobre as cores basta examinar atentamente estas capas da revista “Mestre do Kung Fu” com desenho e cores por Jim Starlin, à esquerda é a capa original, já à direita a capa com as cores berrantes que até ardem nos olhos que a editora Bloch recoloria;
Sim, esta é a colorização que equivocadamente considera Gibi como leitura INFANTIL e daí as cores quentes para atrair criançinhas pequenas.

Flávio Mário de Alcântara Calazans

Comentários

  1. Hoje muitos Coloristas Digitais usam essas Cores berrantes que sufocam os Desenhos mas acho que mais por falta de talento do que outro motivo!

    ResponderExcluir
  2. Incrível que sinto Saudade dos Quadrinhos da Ebal,Vecchi,RGE Etc... Mas da Bloch quase não1

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Veloso eu sinto o mesmo, nem dá vontade de guardar e colecionar tamanho o descaso com o leitor destruindo a arte e o texto com a redução e borrando com estas cores estrambólicas e medonhas!

      Excluir
  3. Realmente a BLOCH não tinha competencia e conhecimento oara editar a MARVEL. Mas esse material foi o responsável por cativar uma novaxsafra de leitores...inclusive eu. A cultuada EBAL...pra mim fez pior pq editou quase tudo da MARVEL em P/B...o que pra mim é sacrilégio.

    ResponderExcluir
  4. Realmente a BLOCH não tinha competencia e conhecimento oara editar a MARVEL. Mas esse material foi o responsável por cativar uma novaxsafra de leitores...inclusive eu. A cultuada EBAL...pra mim fez pior pq editou quase tudo da MARVEL em P/B...o que pra mim é sacrilégio.

    ResponderExcluir
  5. É vero. Me lembro bem, disso. Só as edições de Os Trapalhões tinham um acabamento melhor. Uma pena, mesmo.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

DOUTOR ESTRANHO na coleção de historias em quadrinhos de Flávio Calazans

"Pátria Armada: Visões de Guerra" tem lançamento com quadrinho de Flavio Calazans