ESQUECIMENTO

Na mitologia grega LETE é um dos rios do infermo Hades; aqueles que bebessem ou até mesmo tocassem na sua água experimentariam o completo esquecimento. Lete ou Lethe (em grego antigo λήθη; [ˈlεːt̪ʰεː], grego moderno: [ˈliθi]) literalmente significa "esquecimento". .. em Portugal temos o ancestral RIO LIMA de semelhante lenda “Reza a Lenda que guerreiros Celtas durante uma incursão às terras do Limea, ao atravessá-lo, perderam o seu chefe e a memória das suas origens, pelo que o rio passou a ser chamado de Lethes ou Oblívio, ou seja, Rio do Esquecimento. Deste facto ter-se-iam aproveitado os Lusitanos (ou Belitanos, habitantes das regiões pantanosas ou lamacentas do Rio Belion, actual Rio Lima) para em 138 a.C. atemorizar as legiões invasoras do General Romano Decimus Junus Brutus. Teria sido espalhada a Lenda, e por que não dizer convicção, de que quem ousasse atravessá-lo esqueceria a pátria, a família e, até o nome. Teria também acontecido que, perante tal ameaça, as tropas de Decimus Junus Brutus se recusaram a atravessar o rio. O General, que se atendermos à sua capacidade de desenrascanço mais parecia Lusitano do que Romano, procurou um vau, apeou-se da montada, cobriu-se com o seu escudo, arregaçou o saiote … e aí vai ele sozinho para a outra margem. Lá chegado, pôs-se a chamar cada legionário pelo seu nome, demonstrando, assim, a incongruência da Lenda. As tropas obviamente atravessaram o rio e como daí para diante ninguém mais teve medo dele, o Rio Limea, Limaia, Belion, Lethes, Oblívio” http://riosibericos.com/rio-lima-obstaculos/. O oposto seria um outro rio, o Mnemósine, e beber das suas águas faria recordar tudo e alcançar a onisciência, o que me lembra aquele personagem de Borges- Irineu Funes o memorioso, que recordava de tudo nos mínimos detalhes.

Comentários

  1. "Quem esquece o passado está condenado a repeti-lo." aforismo do filósofo hispano-americano George Santayana (1863-1952)

    ResponderExcluir
  2. "Memento mori" é uma expressão latina que significa algo como "Lembre-se de que você é mortal", "lembre-se de que você vai morrer", ou traduzido ao pé-da-letra, "lembre-se da morte".

    ResponderExcluir
  3. "o homem privado de seu passado não é homem" Ortega y Gasset

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

DOUTOR ESTRANHO na coleção de historias em quadrinhos de Flávio Calazans